Anos 30 - 50

Guerrino Maletti, seu fundador, começou a trabalhar em Milão, na fabricação e distribuição de equipamentos para cabeleireiros.

Os primeiros produtos nos quais aparece a marca Malleti são um par de alicates e um modelador de cabelo.

Os primeiros lavatórios com uma versão mecânica do pedestal (para facilitar o trabalho dos cabeleireiros na regulação da altura) são patenteados pelo ateliê de Guerrino Maletti que, já no ano de 1955, tem um catálogo que merece todo o respeito – apenas dirigido aos grossistas – nos quais encontramos lavatórios de cabelo, mesas porta-acessórios e pequenas peças metálicas. Com os anos 50, começa também uma estreita colaboração com os mídia.

Anos 60 - 80

A década de 60 marca um período de grande expansão da empresa. A Maletti começa a produzir em grande escala várias coleções de mobiliário para salões de cabeleireiro. A rede de distribuição se estende por toda a Itália e consequentemente para outros países europeus.

A sede da Itália, localizada em Scadiano, na Reggio Emilia, passa a contar com 13.000 metros quadrados que alberga escritórios, showrooms e a área de produção integrada de materiais de madeira, metal e plástico.

Entre os anos de 1960 e 1963, Noris Guerrino, esposa do fundador e alma do projeto, apresenta na exposição de 1962, a primeira linha de mobiliário. Seu espírito empreendedor abre novos horizontes para a empresa, que passa rapidamente de um modelo artesanal para uma fabricação industrial.

Ano 1979 - Nova Fase

Com a morte do seu fundador, Maletti passa por uma reestruturação organizacional. Seus três filhos passam a ocupar os principais cargos da empresa; Danilo passa a ocupar o cargo de presidente, Guido assume a área de pesquisa, desenvolvimento e produção, e Edgardo a área de marketing e comunicação.

Com a remodelação da marca, expansão do projeto e a contratação de engenheiros e designers altamente qualificados, a Maletti passa a adquirir notoriedade. A busca constante por novas tecnologias e materiais inovadores possibilita sua internacionalização, levando o nome do grupo aos 5 continentes, com distribuidores exclusivos em mais de 100 países. São sucessivos anos de criatividade, traduzidos em modernos salões de cabeleireiros espalhados pelo mundo.Em 1982, Maletti passa a empregar o termo “Gaivota” com o qual a empresa se refere a todos os seus distribuidores, profissionais de beleza e designers. A partir deste ano, passam a ocorrer as reuniões sistemáticas, encontros e oportunidades para modernização e formação.

Anos 2000 - 2006

No ano 2001, Maletti inaugura sua nova sede em Fellegara di Scandiano. Um complexo de produção projetado pelos arquitetos Matta e Varaschin, que hospeda todas as empresas do grupo Maletti. Com uma área de 49.000 metros quadrados, dos quais 3.300 metros estão ocupados por escritórios e mais 3.000 metros quadrados de showroom. O maior centro da europa dedicado à concepção da beleza.

O ano 2003 representa um período de grandes desafios e excelentes resultados. Claudio Silvestrin, rigoroso estilista Armani, desenha “cortes”, uma linha de mobiliário elegante para salões de cabeleireiro. Neste mesmo ano, Edgardo nos deixa, o que representa um grande vazio para a empresa. Entre 2005 e 2006 vários designers de renome internacional passam a integrar o grupo Maletti, entre eles Didier Gomez, criador da “Little Talk Collection”, Ross Lovegrove, guru do design orgânico e Christophe Pillet. Este último chegou como assistente de Philippe Starck na Maletti e depois se converteu em designer estabelecido. “Metrópole” foi sua primeira linha de mobiliário.

Anos 2006 - 2012

Maletti chega à sua maioridade. Com 75 anos de vida, a empresa começa a introduzir novos conceitos, como a sustentabilidade ambiental, em suas atividades. Este projeto vem a tona no início dos anos 80, quando a empresa lança as campanhas para reciclagem do papel interno, ambientes de temperatura controlada e a coleta seletiva de resíduos.

 

Maletti desenvolveu em 2010 as três primeiras linhas de mobiliário para salões de beleza com um baixo impacto ambiental. Duas linhas – “Green First” e “Alu Green” – foram concebidas pelo designer Giovannoni, enquanto a terceira – “Fun Eco” – foi assinada por Christophe Pillet

Hoje

Hoje o grupo Maletti tem linhas de mobiliário para cabeleireiros concebidas pelos maiores designers do mundo como Philippe Starck, Claudio Silvestrin, Sipek Borek, Lovegrove Ross, Gomez Didier, Christophe Pillet, Grassi Ducciomaria, Matta & Varaschin, entre outros.

Sob a presidência de Danilo Maletti, o grupo começa uma nova fase de expansão internacional com a abertura de novos escritórios na França, Brasil e Inglaterra.

Atualmente, o grupo Maletti é composto por quatro empresas distintas que ocupam a liderança mundial em equipamentos e mobiliário para cabeleireiros, clínicas de estéticas e SPAs.

Maletti – Sempre atuou na produção de móveis para salões de cabeleireiros, sendo a empresa controladora da marca no setor.

Nilo – A indústria SPA. Produz mobiliário e equipamentos para academias, SPAs e salões de beleza.

Presence Paris – Também produz móveis para cabeleireiros. Criada para produzir as linhas Starck pela L’Oreal, agora ocupa o topo incontestável deste segmento de mercado.

UKI – Acessórios para Cabeleireiro. Fabrica equipamentos elétricos, carrinhos e acessórios para cabeleireiros e salões de beleza.

Maletti é sinônimo de design avançado no mundo de penteados e beleza.

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar